quinta-feira, 1 de julho de 2010

Quando eu crescer eu quero ser...

Quando eu era pivete e cursava o Ensino Fundamental, eu sonhava em crescer, entrar na faculdade, ter um emprego e ficar rico.

Daí eu cresço, arrumo um emprego, entro na faculade e tô aqui... Pobre.

Aí meus sonhos de ser rico e ter (citando pica-pau) "Iates, mulheres, carros, mulheres, dinheiro, mulheres..." foi pro saco.

Quando a gente é criança e sonha, sonha que vai ter um emprego fodão tipo bombeiro, piloto de Formula 1, jogador de futebol, fotografo de modelos nuas, e acha que vai ter todo o dinheiro do mundo e vai comprar tudo o que quiser. Mas é só sonho. A gente cresce, não compra nada do que a gente queria e ainda fica devendo a alma.

Se fosse hoje em dia, quando me perguntassem que profissão eu queria seguir, eu diria BLOGUEIRO. Mas não blogueiro furado que nem a gente aqui do Torneiras. Falo desses blogueiros da
grandesmerda
Blogsfera, que ganham presentinhos todo dia, dinheiro pelas propagandas das marcas, convite pra festas e tal. Esses blogueiros sim tem a vida boa. Passam o dia em casa, coçando o saco, tomando cerveja, escrevendo e ganhando dinheiro.

Pô, eu também escrevo merda na internet! Quero dinheiro e presentinhos também. Dá pra ser?

Pois é, todo mundo pensa que médico e advogado são profissões que dão dinheiro. Pode até ser que estejam certos, mas precisa trabalhar demais pra conseguir a grana. Quando meu filho chegar pra mim e disser que quer ser médico pra ser rico, dou um cascudo nele e ensino a blogar. Ou a fazer stand up.

Beijo pra vocês, blogeiros ricos e finos.

0 comentários: